terça-feira, 12 de junho de 2012

“É isso. Só queria ser amada. Só isso. Precisa casar comigo não, precisa me engravidar não. Basta me olhar assim, basta morrer de rir comigo. Basta me ler, me decifrar, ser intenso nesse minuto!”

2 comentários:

  1. Oi, Quel, boa noite!!
    Ah, o que só queríamos, o que só queríamos... Neste mundo de misteriosos caminhos, às vezes o que queríamos está mais perto que o imaginamos, e o que sonhamos é muito mais realidade que sonho, a não ser para nós, que sonhamos... Enquanto sonhamos com alguém indecifrável, há alguém que já nos decifrou, esperando que dele nos demos conta... Caminhos misteriosos, caminhos misteriosos...
    Um beijo carinhoso
    Doces sonhos
    Lello

    ResponderExcluir
  2. Ah, meu Doce Lello,
    suas palavras me fazem tão bem...São como beijos na alma, toda vez que passa aqui. :)

    ResponderExcluir

Deus não apenas perdoa, ele esquece. Apaga a Lousa. Destrói as provas. Queima o filme. Formata o computador. Ele não se lembra dos meus erro...