quinta-feira, 13 de setembro de 2012



O que a maioria de nós leva para o relacionamento não é a plenitude, mas a carência. A carência implica uma ausência dentro de si... A carência é uma força poderosa, capaz de criar ilusões poderosas. Ninguém pode realmente entrar dentro de você e substituir a peça que está faltando.

Um comentário:

  1. E será possível não ter uma peça faltando? Às vezes acho que faltam tantas, por mais que entremos em manutenção, preventiva ou não. Somos seres incompletos, mas é certo que ninguém nos preenche, pode apenas ajudar a lidar com o que somos e/ou deixamos de ser (um tão importante quanto o outro).
    Ivan.

    ResponderExcluir

Dores que transformam

Bom, em setembro de 2016 foi último post, e tanta coisa aconteceu de lá pra cá e elas estarão presente nas entrelinhas dos meus próximos pos...