segunda-feira, 27 de junho de 2011

Então, é melhor fazer como os velhos índios iaquis: usar a morte como conselheira. Perguntar sempre: “Já que vou morrer, o que devo fazer agora?.


2 comentários:

  1. humm.. bem sugestivo !! Um belo empurrao hein essa frase!! ;)
    bom diaaa, qto tempo nao vinha aqui..tao ocupada c estudos..mas nao posso esquecer desses espaços que me fazem bem!! =D

    ResponderExcluir
  2. meus poarentes disseram e eu respondo...faça aquilo que te faz bem, viva um dia como se fosse o ultimo

    ResponderExcluir

Deus não apenas perdoa, ele esquece. Apaga a Lousa. Destrói as provas. Queima o filme. Formata o computador. Ele não se lembra dos meus erro...